Translate

terça-feira, 14 de junho de 2016

VELHICE? 1º,2º,3º,4º IDADE - O QUE É ISTO

PALAVRAS GUARDADAS - PARTILHA  É DÁDIVA COM RETORNO
VELHICE ?
"A velhice é como o tempo, tem uma dimensão variável em cada homem"
IDOSO - O SER E O ESTAR. - (contributo do “IDOSO”, para os saberes e para a sociedade)
Embora em algumas sociedades (ditas civilizadas) coloquem o idoso na faixa etária da 3ª Idade, colocando-lhe (não declaradamente) o ónus de predador de grande parte da despesa pública, em vez de aproveitar a sua experiência e saber acumulado, criando condições para uma pro-atividade salutar. Nalgumas sociedades o "velho" é respeitado como um sábio.
Será ou não a sabedoria acumulada no tempo vivido, uma mistura de afectos, agilidade mental e experiência acumulada? - Há "idosos" que no seu percurso de vida,  valorizaram  o SER e o saber estar, partilhando com o OUTRO as mais valias culturais adquiridas, o conhecimento e as experiências vividas. Aprende-se a conviver e esta terapia de grupo promove um bem estar saudável,  é sementeira de amizades e adubo que fortalece o ego de quem partilha.
Hoje o tempo de vida é mais longo que no passado, e se ao longo deste caminho tratarmos o OUTRO como gostaríamos de ser tratados, se pensarmos que o passado já foi, vivermos o hoje porque o amanhã já aí vem, será bem melhor. Vivamos o presente pensando no futuro.
Lembrei-me por estou socialmente classificado de idoso (desde a nascença todos o serão, uns mais idosos que outros) de um aspecto fundamental, a importância do LIVRO (grande amigo e companheiro de todas as horas), daí que vos deixe este pequeno apêndice de texto, que lembra esta pergunta, que certo dia fiz.
- QUEM ÉS TU BIBLIOTECA?
- Eu sou a guardiã do passado, do presente e do futuro …
Tenho no meu seio, as Memórias dos Homens, o seu imaginário criador da esgrima da palavra, em prosa e poesia.
Guardo dicionários de todas as línguas, enciclopédias e livros temáticos das ciências e artes.
Sou um elo da transmissão do SABER e da CULTURA, alimento regenerador e formador de gerações. O meu conteúdo é o “adubo” que fortalece o HOMEM face aos “ditadores de vão de escada” e de todos aqueles que fomentam a ignorância , tendo em vista a dominação e usurpação da LIBERDADE dos povos.

A CULTURA E O SABER SÃO SINÓNIMO DE LIBERDADE.

Há factores importantes para elevar a qualidade de vida, tais com0: -
a) Convívio social positivo, de proximidade e familiar;
b) Actividades físicas e mentais, participação em actividades lúdicas:
c) Manter os níveis cognitivos participando regularmente em  iniciativas de cariz cultural.
Todos podemos fazer o resto da "caminhada" com a dita (qualidade de vida) melhorada se (repito) cultivarmos as amizades, cuidarmos da saúde (do físico e da mente) e principalmente viver activamente.
BEM HAJA!
ARFER